Paixão Por Pai ou Mãe de Santo. E agora?

ATENÇÃO: ALGUMAS PESSOAS ACHAM QUE ESTE POST TEM INTUITO DE DISSEMINAR ALGUM TIPO DE COMPORTAMENTO OU ALGO ASSIM. NOSSAS POSTAGENS SÃO BASEADAS EM DÚVIDAS DE NOSSOS LEITORES E SEGUIDORES; ASSUNTO QUE ESTEJA EM DESTAQUE OU ALGUMA FERIDA QUE AS PESSOAS NÃO TEM VOZ OU CORAGEM DE TECER COMENTÁRIOS.
RELAÇÃO DENTRO DE CANDOMBLÉ SEMPRE HOUVE; PESSOAS SE APAIXONANDO POR SEU LÍDER RELIGIOSO SEMPRE HOUVE.
NÃO ACREDITAMOS QUE COM ESSA POSTAGEM TEREMOS O PODER DE FAZER OS FILHOS DE SANTOS SE APAIXONAREM POR SEU ZELADORES. CONSIDERE ESSA INTRODUÇÃO ANTES DE JULGAR NOSSA INTENÇÃO NESSA POSTAGEM, POIS EM 20 MINUTOS JÁ RECEBEMOS ALGUMAS PEDRADAS DA CRÍTICA. BOA LEITURA!!!

Quando o filho de santo se apaixona pelo pai de santo ou mãe de santo, uma série de questões vem à tona.

Não é de hoje que o relacionamento entre membros de um mesmo Ilé causa preocupações, escândalos e  divergências entre pessoas. Assim como o assunto Crianças dentro do Candomblé (se não leu sobre este assunto, clique aqui e acesse este post) e também sobre o Simples Namoro Entre Filhos de Santo de Uma Mesma Casa (Esse post causou bastante discussões entre os membros rsrs), o assunto romance, relações amorosas dentro do mesmo ilé, dividem a todos.

Há quem já considere isso bem tranquilo, desde que sejam respeitados os momentos litúrgicos do barracão, a hierarquia e também os fatos ocorridos nos bastidores. Não lavar roupa suja(problemas da relação) no ilé, não fazer cenas de ciumes durante ritos e acima de tudo respeitar o local sagrado.

 

 

Muitas vezes o filho de santo passa tanto tempo com seu zelador ou zeladora ajudando, lado a lado…  passando bons e maus momentos… por vezes indo para festejos do mundo e isso, somado ao fato que a figura do zelador ou zeladora causa admiração em seus seguidores(Quando bem executado essa função de líder), acaba criando um sentimento em pessoas carentes ou com falta de referência religiosa… enfim, nasce ai o amor… ou paixão! Sentimento natural e humano!

Não é novidade a notícia de alguma filha de santo que se abre pro seu zelador dizendo que teve sonhos eróticos com o mesmo ou que não consegue ter mais nada com namorado ou marido pois só pensa no pai de santo. Assim também ocorre com homens e suas zeladoras… sabemos disso, não sejamos hipócritas em negar!

 

***********************************

Aprenda já o Idioma dos Òrìsà. Baixe Seu Curso Gratuito de Yorùbá com Áudios! – Clique Aqui e Fale a Língua Yorùbá

***********************************

 

Paixonites e Casos Consumados. Há diferenças!

Mas essa situação ainda não é de causa tanto problema, pois é apenas uma parte que está confundindo as situações…. uma boa conversa, orientação deixa tudo em seu lugar. Pelo menos é assim que vejo os líderes resolvendo a situação, mas e quando o romance é consumado? Quando ficamos sabendo que um zelador assumiu um romance com sua filha de santo?

 

Aí a praça rapidamente começa a se agitar. a criar conspirações e histórias mil. Há pessoas que conseguem relatar até o que aconteceu dentro do quarto de santo, dizendo que ali já começou tudo, que o pai de santo sempre olhou com olhos carnais pra filha ou a zeladora usou de algum feitiço… enfim… falam e falam e falam.

Passam anos e anos e tudo continua acontecendo da mesma forma. Diferença maior hoje é que as pessoas não escondem mais tanto o que acontece.

 

Bàbálórìsà ou Ìyálórìsà namorando ou casado com Ògá, Ìyáwo ou Ekéjì!!!

Sim, conheço casas onde o zelador tem como seu companheiro amoroso um filho ou filha de santo, e tirando momento onde há pequenos atritos que não sabemos se é relacionado à função ou ao romance, sabemos que essas casas funcionam tranquilamente.

Zeladoras que são casadas com Ògá de seu Òrìsà; Zeladores que tem Ekéjì como suas esposas e foram iniciados pelos mesmos… talvez aí que more o grande problema: a famosa mão que vai a cabeça.  O famoso “incesto religioso”!

 

curso_de_iorubá_banner

 

 

Já ouvi de tudo: a mão que passa a navalha não pode ter contato sexual com o iniciado; as energias não seriam compatíveis e que isso cria bagunça no barracão… mas enfim, como é na vida real? O sexual e o religioso sempre foram grande inimigos e no Candomblé não haveria de ser diferente, mesmo poucas pessoas sabendo porque no mundo afro religioso “o sexo suja o corpo”…. dica: não é por causas morais. Dê uma lida numa postagem sobre o assunto clicando aqui e compreenda melhor o que é o tal corpo sujo – Clique Aqui!

Como sempre, não tomo partido, gosto de observar e analisar, mas confesso que nunca vi nada de errado nessas relações e a bem da verdade ela já acontece a tempos, é que hoje as coisas andam mais abertas, como disse mais acima!

 

Como diz o ditado: Macumba boa é a que dá certo!

A casa estando em harmonia; os filhos seguindo seus caminhos abertos e com prosperidade, felicidade e amor…  o que importa se nos momentos de lazer… momentos pessoais, momento mundano o líder da casa está sendo amado(a) por uma pessoa que goste dele(a)… seja ela ògá, ekéjì ou ìyáwo?

Será que não estamos sendo infectados demais por aspectos católicos em relação a moral, sexo e relacionamento? Como seria essa história em uma tribo sem traços ou sinais de influência cristão?

 

Vamos debater o assunto??

 

Comments
  1. Robson Brante

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Paixão Por Pai ou Mãe de Santo. E agora?

ATENÇÃO: ALGUMAS PESSOAS ACHAM QUE ESTE POST TEM INTUITO DE DISSEMINAR ALGUM TIPO DE COMPORTAMENTO OU ALGO ASSIM. NOSSAS POSTAGENS SÃO BASEADAS EM DÚVIDAS DE NOSSOS LEITORES E SEGUIDORES; ASSUNTO QUE ESTEJA EM DESTAQUE OU ALGUMA FERIDA QUE AS PESSOAS NÃO TEM VOZ OU CORAGEM DE TECER COMENTÁRIOS. RELAÇÃO DENTRO DE CANDOMBLÉ SEMPRE HOUVE; PESSOAS SE APAIXONANDO POR SEU LÍDER RELIGIOSO SEMPR