A Origem da Saudação Ògún yè e Pàtàkòrí Com Tradução Correta!

As saudações aos orixás (àwọn òrìṣà) é uma das características mais marcante no candomblé, herdamos isso do povo Yorùbá, onde as saudações e cumprimentos são diversos.

Cada òrìṣà possui sua saudação característica, essa costuma trazer algo sobre seu temperamento ou sobre sua história. Às vezes, pode até parecer algo sem lógica, mas sem lógica para nós e não para o povo yorubano.

Veja por exemplo a tradução da saudação de Ọya – Yánsàn – Clique Aqui!

Tradução da saudação a Ogun – Ògún yè!

Muito conhecida é a saudação desse òrìṣà, assim como a saudação de Yemọja é amplamente conhecida. As duas se encontram até mesmo em músicas populares brasileiras.

Sua escrita correta e tradução são:

Ògún yè – Ògún vive!

Pode parecer estranho quando não se sabe a história por trás dessa saudação, mas ela nos remete ao odù Iwori Méjì (Na verdade, é um personagem que o representa, mas para facilitar o compreendimento, usarei o próprio odù aqui para não gerar confusão). Mas atente ao fato de que nos awọn odù ìtàn – histórias dos odù – muitos surgem como personagens viventes, com dramas normais de nós humanos.

Conta esse ìtàn que Iwori Méjì encontrou com Ògún vindo em uma estrada com seus espólios de mais uma batalha. Vinha ele com 200 cativos a sua frente e mais duzentos cativos na retaguarda. Ele reconheceu o òrìṣà, mas o grande guerreiro estava em um estado medonho, cansado e sujo. Ògún parecia um morto vivo…

Ògún precisava ser visto com nobreza e dignidade, não daquela forma como ele se apresentava. Ògún precisava ser visto como aquele que voltava vivo das batalhas e guerras!

Èṣù sussurrou aos ouvidos de Ògún que exigisse de Iwori Méjì uma forma de ser visto com dignidade e nobreza. Tão logo o grande òrìṣà expressou sua vontade, Iwori Méjì mandou que todos os cativos ali fechassem os olhos!

Pegou duas penas vermelhas de àlùkò e colocou na cabeça de Ògún. Depois, mandou que todos abrissem os olhos e vissem a nova forma que agora o òrìṣà se apresentava: Vivo, nobre, digno!

Todos ficaram espantados e gritaram: Ògún yè! Ògún yè!!

Saudamos Ògún dessa forma para indicar que ele está vivo, que é nobre, que é um òrìṣà com dignidade e nobreza. As penas de àlùkò possui um forte simbolismo daquilo de bom que está vindo, notícias alegres e felizes!

= verbo que indica o fato de estar vivo, indica também o ato de sobreviver, sair incólume de algo;

Quando as pessoas falam: “Ògún yè! Mo yè!“, elas estão querendo dizer que Ògún sobreviveu, está vivo, eu estou vivo, eu sobrevivo!

Indica a vitória sobre as adversidades, sobre as batalhas, por mais pesadas que elas sejam.

Por Que Usamos Pàtàkòrí Para Ògún?

Muitas pessoas atribuíram essa palavra ao ato de Ògún corta cabeças. Mas é um ledo engano aqui!

Pàtàkòrí fala justamente do que tratamos acima, fala da nobreza e importância do òrìṣà Ògún. Vamos destrinchar a palavra para melhor compreendermos do que se trata:

Pàtàkì = aquilo que é importante, considerar-se importante, nobre, digno de atenção;

Orí = cabeca (significado primário), aquilo que se destaca, compõem palavras que indicam liderança, chefe, pessoa à frente (Aṣíwájú = um dos atributos de Ògún);

Pàtàkòrí fala de uma pessoa importante, de um líder, um chefe muito importante e digno. Uma pessoa em destaque!

Quando falo: “Ògún yè! Pàtàkòrí Òrìṣà!“, estou falando: Ògún vive, o frisa importante, o frisa digno de nobreza e atenção!

Tudo remete ao poder grandioso de Ògún, ao seu caráter de líder, chefe, de ir à frente nas batalhas e de sair vitorioso delas. Um òrìṣà que merece respeito e quem tem seu culto original ainda bem vivo em terras nigerianas, contrariando o que muitos dizem de cultos morrendo em terras yorubanas.

Por isso a Importância de se Aprender Yorùbá!

Note como fazendo uso do conhecimento do idioma dos àwn òrìà, conseguimos desvendar o que está por trás das expressões mais usadas no Candomblé e demais culto aos deuses yorubanos.

Conheça nosso cursos abaixo: Curso Fundamentos do Idioma Yorùbá! O que está incluso no curso:

  • Aulas em vídeos em 20 módulos;
  • Apostilas em PDF com resumo das aulas;
  • Dicionário ao final do curso;
  • Técnicas de estudo melhorando o aprendizado do idioma;
  • Certificado ao final;
  • Retirada de dúvidas diretamente com o professor!!
http://eko.educayoruba.com/fundamentos-do-idioma-yoruba-oluko-vander/